Quinta-Feira, 19 de Julho de 2018 - Ano 6

Acolhimento é item melhor avaliado pelo turista que vem a Santa Catarina. Especialista fala sobre perfil de visitantes e destaques do estado

10 julho, 2018
Acolhimento é item melhor avaliado pelo turista que vem a Santa Catarina. Especialista fala sobre perfil de visitantes e destaques do estado

A mudança percebida no perfil do turista que vem a Santa Catarina não é apenas uma percepção de quem atua no setor. Ela também foi evidenciada na primeira pesquisa da Secretaria de Estado de Turismo, Cultura e Esporte (SOL) e Santur sobre o tema. O destaque positivo foi o acolhimento da população, apontada por 51,4% dos entrevistados, que, segundo Gelson Walker, diretor da Tô Indo Viagens, é reflexo da diversidade de pessoas. “Esse ponto é fundamental para que o visitante volte e, aliado a outras questões, como a pluralidade de culturas e oferta de atrações para diferentes perfis, faz de Santa Catarina um estado único, que cada vez mais chama a atenção de visitantes brasileiros e estrangeiros”, diz. Também foram experiências positivas no estado o quesito alojamento/hospedagem, com 37,8% e limpeza pública, com 26,8%.

O retorno do turista é outro destaque positivo para o estado, de acordo com Gelson. Na pesquisa da Santur, 66% das pessoas afirmaram que já haviam visitado Santa Catarina de três a quatro vezes anteriormente. Segundo o especialista, isso é o retorno de todo o esforço que foi aplicado no turismo interno nos últimos tempos. “Sabemos que temos muito a melhorar, porém ficamos muito orgulhosos com essas respostas dos turistas. A intenção é justamente que todos os viajantes que venham visitar as cidades tenham vontade de voltar”, comenta.Segundo a consultora, os principais empecilhos para o comércio exterior são a falta de informações e o elevado número de obrigações. “Contar com o auxílio de pessoas capacitadas faz toda a diferença. Profissionais especializados podem orientar no processo correto de internacionalização, escolhendo países assertivos para compra e venda, reduzindo o tempo de trabalho e otimizando operações. A diminuição de custos internos e facilitação da entrada no comércio internacional também são vantagens”, sugere.

A pesquisa destaca ainda questões apontadas pelo visitante como ruins, ou que precisam de melhorias, como os aeroportos – 23,6% das respostas – e a mobilidade, com 13,8%. De acordo com Gelson, observar esses dados é fundamental para saber em quais pontos é necessário que setor público e privado atuem para ampliar a atratividade da região. “Investimentos em acessibilidade são questões que sempre são levantadas por viajantes que nos visitam e que não podem passar despercebidas”, destaca. Sobre a pesquisa, o especialista da Tô Indo acredita que ela é uma ferramenta útil para o planejamento de ações voltadas ao recebimento desse turista. “Só através de números como esses que conseguimos medir aspectos que precisam ser melhorados”, finaliza.

Sobre a Tô Indo Viagens
Chancelada pelos mais importantes fornecedores e instituições ligadas a viagens do país, a Tô Indo Viagens tem mais de 10 anos de atuação. Além do atendimento a empresas e viajantes, a marca trabalha ainda com eventos corporativos e com a comercialização oficial de espaços para marcas nos camarotes da Oktoberfest. Mais informações: www.toindoviagens.com.br.

 

unnamed

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Desfile da Oktoberfest, em Blumenau (SC)
Imagem: Blog do Jaime

unnamed (1)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Gelson Walker, diretor da Tô Indo Viagens, comenta itens avaliados pelos turistas que vem a Santa Catarina
Imagem: Divulgação
Sabryne Anne
Melz Assessoria de Imprensa
(47) 3340-2205 | (47) 3336-0231
sabryne@melz.com.br
www.melz.com.br