Domingo, 23 de Setembro de 2018 - Ano 6

Plano de Mobilidade projeta melhores condições para o transporte coletivo

19 março, 2018
Plano de Mobilidade projeta melhores condições para o transporte coletivo

Elaborado pela primeira vez na história de Blumenau, o Plano de Mobilidade Urbana passa a servir como um instrumento de referência ao planejamento e ordenamento da cidade. Entre as soluções indicadas pelo documento, está a oferta de melhores condições aos usuários do transporte coletivo. De acordo com o diretor de Planejamento Viário da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano (Sedur), Julian Plautz, o município dispõe hoje de 12 km de corredores de ônibus e a projeção é chegar a 36,5 km até 2035.

“A proposta do município tem como diretriz tornar o sistema mais atrativo e eficiente”, afirma. “A partir do momento em que implantarmos as interligações entre os bairros e o Centro, haverá uma procura maior pelos ônibus, o que refletirá em uma melhora na mobilidade urbana de modo geral”, complementa Julian.

Além da construção dos dois novos terminais de ônibus nos bairros Itoupava Central e Água Verde, já em andamento, a Prefeitura tem investido em projetos que priorizem os modais sustentáveis, como o ônibus e a bicicleta, nas principais vias de circulação do município. Dentre essas ações, destaque para as obras de prolongamento e duplicação da Rua Humberto de Campos.

Com a implantação do Plano de Mobilidade de Blumenau, a projeção é de melhoria na distribuição de uso dos modais, para que, ao menos, 31% dos cidadãos utilizem o transporte coletivo e outros 31% meios não motorizados – atualmente esse percentual é de 21% para cada um. Estima-se ainda que 65% das pessoas passem a ter acesso a uma faixa de ônibus e que o tempo de viagem do transporte coletivo diminua 29%.

Assessor de comunicação: Fernando Gonzaga

Imagem:Divulgação