Sábado, 24 de Junho de 2017 - Ano 6

Blumenau sedia 1º Fórum Brasileiro de Pepinos para Conserva

18 maio, 2017
Blumenau sedia 1º Fórum Brasileiro de Pepinos para Conserva

Clique na imagem de capa para ampliar –

Dois hambúrgueres, alface, queijo, molho especial, cebola, picles e um pão com gergelim”. Na famosa canção de um comercial de lanche o pepino em conserva é mais um ingrediente de uma consagrada receita. Na estrofe do jingle está representada a importância do pepino no sabor de um lanche, mas o cultivo da hortaliça é fundamental para o fortalecimento da atividade agrícola. Esse aspecto é claro diante da variedade de pepino, classificados em vegetal de corte e conserva. A transformação em picles é um processo de preservação do alimento e linha condutora do 1º Fórum Brasileiro de Pepinos para Conserva, que acontece no dia 23 de maio, no Hotel Sesc, em Blumenau.

A importância do cultivo e manejo do pepino utilizado para conserva ressalta a necessidade de aprimorar os conhecimentos técnicos sobre o vegetal, composto por quase 100% de água, mas rico em vitamina A e C e amplamente utilizado na indústria alimentícia. Essa é a característica do Fórum com espaço para palestras e debates sobre os principais processos modernos e relevantes sobre Legislação, Nutrição, Irrigação, e Prevenção e Controle de Pragas.

O estado de Santa Catarina já é destaque na cultura do pepino, principalmente os fatores climáticos e também as características do solo, mas o incentivo tecnológico e os aprimoramentos técnicos colocam a produção do pepino num patamar essencial para alavancar a agricultura familiar e industrializada. Durante o Fórum, profissionais, técnicos e especialistas dividem as experiências para garantir um alimento saboroso e com qualidade. Um processo que começa desde a irrigação, como destaca o Engenheiro Agrônomo e palestrante do Fórum, Gabriel Perin Gomes. “Para que a irrigação seja realizada de maneira adequada e supra a necessidade hídrica da planta, é de extrema importância saber qual a necessidade diária do pepino e a capacidade de retenção de água do solo. Dessa forma, torna-se possível o aumento da produtividade e qualidade do produto final”, afirma Gomes.

No entanto, o cultivo do pepino é uma atividade cada dia mais desafiadora e que será ainda mais eficiente com a incorporação de conhecimento avançado para ampliar a eficiência e qualidade do pepino. “Uma molécula que nutri-estimula a planta a desenvolver e produzir suas substâncias naturais de defesa contra as pragas e doenças. Essa tecnologia não elimina o uso de agrotóxicos, mas ajuda no manejo correto de doses e intervalos de segurança”, afirma o gerente de desenvolvimento técnico da COSMOCEL e palestrante do Fórum Brasileiro de Pepinos em Conserva, Pedro Henrique Dziuba.

Além disso, todos os esforços podem ser ineficientes quando não existem inspeções rotineiras nos pepineiros. Por isso, é importante que o produtor rural realize um controle sistemático de pragas. O Engenheiro Agrônomo Ronald Hamisch, palestrante do Fórum, lista, por exemplo, as principais pragas e doenças que causam grandes danos e reduzem a produtividade do cultivo do pepino e as principais maneiras de promover um controle sistemático para evitar que toda plantação seja atacada. Por fim, ciente de todos os elementos que caracterizam o processo de plantação de um pepino de qualidade para a conserva, ainda existe a necessidade de compreender todas as regras que determinam a regulamentação sobre o uso correto de defensivos no cultivo e manejo da produção de pepinos. “Apresentaremos a atual legislação que trata do comércio e utilização de agrotóxicos em Santa Catarina e os programas de monitoramento de resíduos de agrotóxicos que são conduzidos no estado. O segmento do pepino para conserva poderá visualizar onde estão inseridos nesse contexto e compreender as responsabilidades dos profissionais que fazem a recomendação de agrotóxicos, produtores e indústrias que utilizam o pepino como matéria prima”, ressalta Alexandre Mees, gestor da Divisão de Defesa Sanitária Vegetal da Cidasc.

Esse é o roteiro de um espaço importante de desenvolvimento e compartilhamento de conhecimentos sobre o pepino em conserva, tradicional na mesa do brasileiro e muito comum em forma de picles, vegetais em conserva, para diversificar o sabor dos alimentos. Esta ação é uma iniciativa da AgroGirassol, pioneira no Sul do Brasil em consultoria para melhoria de performance do cultivo e manejo das principais culturas de hortifrúti e na comercialização de sementes de hortaliças, ervas e temperos. A empresa atua há mais de 20 anos no mercado profissional de horticultura do sul do Brasil e nessa proposta inovadora de debate que é o Fórum Brasileiro de Pepinos para Conserva tem o patrocínio da Bayer, Cosmocel, Petroisa, Topseed Premium, Agrinobre, Omex, Seminis e Viacredi e apoio da Companhia Integrada de Desenvolvimento Agrícola de Santa Catarina – Cidasc, Secretaria Estadual da Agricultura e Pesca- Governo de Santa Catarina, Prefeitura de Blumenau e conta com a produção da Inspiracom Marketing e Comunicação.

SERVIÇO:

O quê: 1º Fórum Brasileiro de Pepinos para Conserva
Quando: 23 de maio de 2017
Onde: Sala Verde Vale – Hotel Sesc/ Blumenau
Contato: contato@forumbrasilpepinoconserva.com.br
Informações para imprensa: Schayla Jurk: (47) 99602-6500
Stéfany Pessoa: (47) 99989-9284
comunicacao@inspiracom.com.br

INSPIRACOM MARKETING E COMUNICAÇÃO

Stéfany Pessoa

Schayla Jurk
Inspiracom Comunicação
comunicacao@inspiracom.com.br

thumbnail_18301399_1324472454256340_7038147209770818029_n (1)